[RESENHA] FIQUE COMIGO | J. LYNN

Teresa Hamilton está tendo um ano difícil - ela está apaixonada pelo melhor amigo de seu irmão, mas ele simplesmente a ignora desde que se beijaram, um beijo verdadeiramente incrível e inspirador. Ela saiu de um relacionamento terrível, e agora uma lesão ameaça terminar sua carreira de bailarina. É hora do Plano B: faculdade. E talvez uma chance de convencer Jase de que o que eles sentem um pelo outro é real. Jase Winstead guarda um segredo do passado - além da paixão que sente pela linda irmã de seu melhor amigo. Embora ele e Teresa tenham uma atração forte, Jase sabe que suas responsabilidades devem ser prioridade. Certamente não tem tempo para um relacionamento. Entretanto, tudo o que ele consegue pensar é em estar com a única garota que poderia arruinar tudo para ele. Depois de uma tragédia no campus da faculdade, eles se aproximam mais e mais. É impossível continuar negando seus sentimentos. Jase e Teresa devem decidir o que eles estão dispostos a arriscar para estar juntos e o que estão dispostos a perder se não estiverem...

Romance | New Adult | 384 páginas | 2017 | Novo Conceito | Amazon | Skoob
"— Você acredita em destino?" p. 45
 Após meu primeiro contato com J. Lynn fiquei muito ansiosa para conhecer mais histórias de sua autora. Agora, ao finalizar a leitura de Fique Comigo na mesma semana em que li O Problema do Para Sempre, posso afirmar que a autora consegue surpreender de uma forma ou de outra. Em Espero Por Você conhecemos o espontâneo Cam Hamilton e a reservada Avery Montgomery e agora a autora nos dá a oportunidade de conhecer melhor Teresa Hamilton, irmã de Cam. A garota tem sua carreira como bailarina ameaçada após uma grave lesão e, como se não bastasse toda a frustração que isso pode trazer, ela precisou superar o fim trágico de um relacionamento abusivo. Seus problemas não acabam por aí, uma vez que além de ter que começar a pensar em um plano B para sua vida, Tess acaba iniciando os estudos na mesma faculdade que o irmão e se tornando cada vez mais próxima de seu melhor amigo. Ele, Jase, é um cara por quem ela nutre sentimentos há anos e, para completar, passou a ignorá-la depois que eles se beijaram pela primeira vez no ano anterior.

[RESENHA] O PROBLEMA DO PARA SEMPRE | JENNIFER L. ARMENTROUT

Mallory viveu muito tempo em silêncio. Mas o destino lhe reserva um novo desafio. E ela percebe que está na hora de encontrar a própria voz  Já na infância, Mallory Dodge percebeu que só poderia sobreviver se ficasse calada. Teve que aprender a ficar o mais quieta possível. Aprendeu a passar despercebida. A se esconder. Mas agora, após ter sido adotada por pais amorosos e dedicados, ela precisa enfrentar um novo desafio: sobreviver ao último ano do Ensino Médio numa escola de verdade. O que Mallory não imaginava é que logo no primeiro dia de aula daria de cara com um velho amigo que não via desde criança, quando viviam juntos no abrigo. E começa a notar que não é a única que guarda cicatrizes do passado, além de uma paixão adormecida e inevitável.
Romance | Jovem Adulto | 392 páginas | Galera Record | Amazon | Skoob
"Muita coisa podia mudar em quatro anos. A questão era: eu tinha mudado?" p. 10
 Jennifer L. Armentrout é uma autora que me surpreendeu muito logo em nosso primeiro contato. Por isso, O Problema do Para Sempre foi uma leitura que iniciei cheia de expectativa. Aqui nos conhecemos Mallory, uma garota que, desde muito pequena, sofreu nas mãos das pessoas erradas. Após um grave acidente que deixa marcas internas e externas, a menina foi adotada no início da adolescência e teve a oportunidade de recomeçar. Mesmo morando com pessoas boas que a incentivavam a seguir em frente. Mallory precisava lidar com marcas internas que afetavam seu dia a dia. Por isso, no último ano do Ensino Médio, ela decide ir para uma escola e tenta se dar a chance de enfrentar seus medos. Ela só não esperava reencontrar uma grande e importante parte de seu passado.

[RESENHA] DO OUTRO LADO | CARRIE HOPE FLETCHER

Do outro lado conta a emocionante jornada de Evie Snow, que morre aos 82 anos, serenamente e cercada pela família, mas descobre que ainda precisa acertar algumas contas com o passado para que sua alma consiga chegar ao Paraíso. Nesta espécie de segunda chance, Evie se vê aos 27 anos e sabe que precisa se livrar de culpas e segredos antes que seja tarde demais. Mas assim que começa a refazer a própria jornada, ela percebe que sabia pouco sobre a própria vida e que precisa recuperar o verdadeiro amor para encontrar a paz.

 Romance | Drama | 272 páginas | 2017 | Selo Fábria 231 | Amazon | Skoob 

 Evie morreu aos 82 anos rodeada pelo amor de seus filhos, netos e marido. Só que, ao atravessar para o seu céu particular, descobre que sua alma está pesada demais para atravessar. Ela precisa se livrar de tudo o que a está impedindo de fazer a passagem, e isso significa enfrentar medos que por mais de 50 anos ela carregou dentro de si. Quando Evie se dá conta, voltou a ter 27 anos e se depara com um lugar que conhecia na juventude e que foi muito importante. Evie sabe que, às vezes, a vida nos faz tomar decisões que não sabemos serem certas mesmo depois de muito refletir. Uma decisão errada pode mudar tudo. E agora Evie precisa decidir por onde começar a revelar seus segredos, já que é sua única chance de fazer a passagem.
"Se eu o seguisse, você me levaria para perto?" p. 54

[RESENHA] MATE O PRÓXIMO | FEDERICO AXAT

Ted McKay tem tudo: uma mulher linda, duas filhas, um alto salário. Após ser diagnosticado com um tumor cerebral, ele toma a drástica decisão de tirar a própria vida. Quando está prestes a apertar o gatilho, Ted é interrompido pelo toque insistente da campainha. E, ao olhar para sua mesa no escritório, encontra o seguinte bilhete: “Abra a porta. É sua última saída”.
Intrigado, Ted deixa a arma de lado e abre a porta. E então mergulha em um pesadelo arrepiante, que vai fazê-lo duvidar da própria sanidade. À sua frente está um desconhecido chamado Justin Lynch, que não apenas sabe o que Ted estava prestes a cometer como lhe faz uma proposta difícil de recusar, um plano para evitar que sua família sofra as consequências devastadoras de um suicídio. Ted aceita a proposta do estranho homem, sem imaginar que o bilhete em seu escritório e a oferta de Lynch são apenas o começo de um jogo macabro de manipulações. Alguém plantou um caminho de migalhas, que Ted vai recolher. Alguém que o conhece melhor que ninguém, que o fará duvidar de suas próprias motivações e também das pessoas que o cercam.
Às vezes, nós só podemos confiar em nós mesmos. E, em algumas ocasiões, nem mesmo isso.
Suspense | Mistério | 378 páginas | 2017 | Verus Editora | Amazon | Skoob
"Abra a porta. É sua última saída"
 Estava tudo preparado para sua morte. Ted planejou cada passo para aquele momento derradeiro. Sua esposa e suas duas filhas viajaram para a Flórida e ele que já sabia o que iria fazer. Tudo tinha que dar certo. Seu esquema era perfeito e as coisas estavam indo bem, até que a campainha toca. Eis que surge Lynch, um homem misterioso que, ao bater na sua porta, deixa Ted cheio de dúvidas. Lynch é insistente e possui uma proposta estranha. Ted só não imaginava que ela poderia transformar sua vida e tornar sua mente ainda mais confusa.

[EVENTOS] CHÁ DA TARDE EDIÇÃO IMPERATRIZ LEOPOLDINA

Confeitaria Colombo realiza Chá da Tarde em homenagem aos 200 anos da chegada da Imperatriz Leopoldina ao Rio de Janeiro.

 Carolina Josefa Leopoldina Francisca Fernanda de Habsburgo-Lorena chegou ao Rio no dia 5 de novembro de 1817, ocasião em que conheceu seu noivo, D. Pedro I. O casamento ocorreu com o objetivo de uma aliança política, mas Imperatriz Leopoldina teve um importante papel na independência do Brasil e na defesa dos escravos.

 Para comemorar os 200 anos de sua chegada, a Confeitaria Colombo do Centro do Rio de Janeiro realizou um Chá da Tarde em sua homenagem no Salão Cristóvão. O cardápio, criado pelo chef Thiago Faro, contou com opções da Áustria, do Brasil e de Portugal, os violinistas do dueto Discurso Harmônico prepararam um belíssimo repertório, o historiador Pedro Lucas de Andrade Araújo, que é autor de "Imperiais Teuto-Brasileiros" (Editora Autografia), fez uma palestra sobre Maria Leopoldina – contando um pouco de sua história e compartilhando curiosidades – e o Grupo Damas de La Botica da Jane esteve presente dando um toque ainda mais especial para o evento.