[Resenha] Chantilly | Mare Soares

 Em Chantilly, conhecemos um pouco sobre Catherine Aragon, através do seu diário. Catherine o escreveu na esperança de que alguém o encontrasse e a ajudasse a solucionar um problema que não só ela, como todas as pessoas de Avilly e Chantilly estavam enfrentando: a perda de memória. Uma década depois, o seu diário é encontrado por Ethan, um cientista que quer desvendar esse mistério, e acaba conhecendo Leon - um homem que viveu em Chantilly e que acaba viajando com Ethan para tentar conhecer Catherine e desvendar esse mistério.

  Comprei o livro da Mare em uma promoção que ela fez no Facebook (por 6 reais, o que é super barato mesmo o livro sendo fino) e por conter páginas do diário de Catherine, cartas dela, de Ethan e Leon, a leitura se torna interessante e gostosa, ao mesmo tempo que o livro é direto e simples. 

  Adorei essa capa, achei super bonita, apesar de que não me dizer muito sobre a estória (nunca que ia imaginar que o nome da cidade é Chantilly, se não tivesse lido a sinopse). E também não posso deixar de dizer que adorei a ideia da autora em acrescentar algumas curiosidades no final do livro. Adora essa espécie de making-of e seria legal se outros autores tivessem a mesma ideia. rs

  Quem gosta de um leitura rápida e de um livro com deixar um mistério no ar vai adorar Chantilly. A  continuação do livrointitulada Copenhague, deve ser lançando ainda esse ano. "Deve" porque a autora infelizmente perdeu todo o livro quando seu HD queimou, e desde então vem reescrevendo o livro. Mas ficamos na torcida para que ela possa terminar ele, e que possamos ler em breve.