[Resenha] Cisne | Eleonor Hertzog



  Em Cisne, Eleonor Hertzog nos apresenta à família Melbourne, uma família numerosa e ao mesmo tempo cativante. Teo, Ted, Tom, Tim, Pam, Lis, Bobby e Peggy (filha adotiva) são filhos dos cientistas Doris e Henry Melbourne, que são formados pela Escola Avançada de Champ-Bleux, que foi fundada há mais de cinquenta anos e forma os melhores cientistas da Terra. Todos eles moram no Cisne, um veleiro solar que é o maior da Terra.
- Cisne de água doce é um nome esquisito para um veleiro oceânico.

- Ah, é que, quando o vento enfuna as velas, quando estão todas erguidas, e todas refletindo o Sol, parece que o barco é um enorme, lindo, fantástico, maravilhoso cisne de prata! riu Anita, toda feliz.
  Tirando Bobby, que tem oito anos, todos os outros irmãos estão ansiosos para saber o resultado dos exames da Champ-Bleux, onde é quase impossível que pelo menos dois deles entrem, mas antes de serem surpreendidos pelos resultados, muitas coisas e muitos mistérios terão de ser resolvidos.

  Não quero falar muito sobre o livro pois quero que vocês se surpreendam tanto quanto eu, mas posso dizer que Eleonor é dona de uma imaginação incrível. Quando li a sinopse logo fiquei curiosíssima para embarcar nessa aventura, mas Eleonor conseguiu superar minhas expectativas - que já eram ótimas.

  Quando comecei  a ler o livro fiquei com um pouco de medo de me enrolar com os personagens, porém mais uma vez a autora me impressiona, já que mesmo com a grande quantidade de personagens, todos são apresentados no momento e do jeito certo. Com o tempo você vai se familiarizando com cada um, não esquece/confunde o nome de ninguém e não se sente incomodado ao ser apresentado a novos personagens ao longo da leitura.

  São 832 páginas de uma narrativa super descontraída, leve e rápida. A autora soube usar sua criatividade da maneira certa e faz com que o leitor se apaixone a cada página por cada personagem e sua história querendo ler mais e mais. Gostei de cada coisa ir se desenvolvendo ao seu tempo, pois isso faz com que a gente não se perca e aproveite ainda mais.

  No momento que vi a capa fiquei torcendo para os golfinhos estarem presentes em algum momento. Não faço a menor ideia do porquê, mas eu queria que isso acontecesse (talvez só para eu ter o gostinho de dizer a capa diz muito sobre o livro) e é exatamente isso que acontece. No blog  da autora, ela mostra os rascunhos feitos pelo seu genro Rafael Krás e sua filha Anelise Hertzog, que me fizeram admirar ainda mais a capa. Também desenho e me peguei um dia desses desenhando os golfinhos enquanto fazia minhas observações sobre o livro em meu caderno - rs.

  Nem preciso dizer que já estou ansiosa pela continuação, que foi intitulada Linhagens. Acho que nele vamos conhecer mais não só dessa família incrível, como da escola Champ-Bleux, que acredito eu, é onde muitas aventuras acontecerão. Se Eleonor conseguir fazer o segundo volume ainda mais interessante que este, ela já me ganhou!



A autora Eleonor Hertzog foi a primeira a participar da coluna Palavra de Autor. Confira seu primeiro post clicando aqui.

Comentários

  1. Uau!! Mais de 800 páginas? O livro é grandinho hein? rs
    Ao ver a capa me lembrei de As Aventuras de Pi, não sei se lembra em algo, e como você decidiu deixar em mistério, eu espero ter a oportunidade de ler. (Mesmo tentando fugir de séries, que são minha perdição) haha

    Beijos

    Ana
    @eufases
    www.euleitora.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 832 páginas de pura aventura! Como disse já tinha uma expectativa boa, mas ao ler ela foi superada!
      Espero que possa ler em breve, e volte aqui para me dizer o que achou, Ana :D

      Beijão,
      e volte sempre!

      Excluir
  2. Parece ser bonitinho abessa, estou correta? rsrs

    Abraços

    ResponderExcluir
  3. É tão bom quando um livro supera as nossas expectativas. Espero em breve embarcar nessa aventura.
    Adorei a resenha!

    ResponderExcluir
  4. Adorei a resenha!
    Achei a história muito interessante, amo livros grossos; quando eles são bons claro; e esse parece ser o caso do Cisne.
    Vou ler com certeza.

    ResponderExcluir
  5. Ual mais de 800 páginas, livros assim me dão água na boca.
    Já tinha visto esse livro mas ainda não tinha me interesado por ele, até que li sua resenha, ele parece ser muito interessante e surpreendente, estou ansiosa para lê-lo.
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Achei a resenha maravilhosa e ja me deu vontade de ler este livro, estou participando da promo e ficarei na minha torcida,, Boa sorte no Blog e para mim...kkk

    ResponderExcluir
  7. E mais uma vez me encanto pela capa do livro so cute *-*, e amo o efeito que livros de fantasia fazem eu me sentir, te leva a um mundo encantado cheio de aventuras e mistérios, intiga a curiosidade e parece que é esse livro trás essa sensação. Quero muito mergulhar nos vários mundos dessa irresistível história. *-*

    ResponderExcluir
  8. Do jeito que você falou, as mais de 837 páginas parecem passar voando!Ansioso, e com muita vontade de ler, com certeza!

    ResponderExcluir
  9. Oi Marina tudo bem, te fazendo uma visita e ler a resenha desse livro maravilhoso Cisne que fala por si só!
    Amei a sua resenha!
    Faço parte também da página do face!
    E te convido para conhecer o meu cantinho!
    Bjkas
    Dani Casquet- Livros, a Janela da Imaginação

    ResponderExcluir
  10. Oii Mari o/
    Eu participo do grupo da Eleonor e vi o link da sua postagem aqui!
    Eu estou lendo Cisne e nossa...sem palavras!
    Só posso dizer que eu sou completamente apaixonada pelo Tim e a Peggy. Eu acho tãaaaaaaaaaao lindo o amor daqueles dois que eu chega me emociono.
    Beijinhos ♥

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Não saia sem comentar!
Queremos saber sua opinião ;)

Postagens mais visitadas