[Resenha] Ela é uma Fera! | Marina Carvalho


Título: Ela é uma Fera!
Autores: Marina Carvalho
ISBN: 9788581633305
Editora: Novo Conceito 
Selo: Novas Páginas
Ano: 2013
Número de páginas: 155
Área Principal: Ficção
Assuntos: Literatura nacional; romance
Sinopse: No interior de Minas Gerais, Clara, uma menina de traços delicados, rosto de porcelana e cabelos dourados tem muitos admiradores, inclusive Henrique, o menino mais popular da escola que fará de tudo pra poder sair com ela, inclusive trapacear... É que o pai de Clara colocou na cabeça que sua filha mais nova só poderá sair com um menino depois que sua filha mais velha, Carolina, arrumar um namorado. Parece simples: basta que Henrique arrume um “namorado” para Carol e siga com seu sonho de ficar com Clara. Determinado, Henrique arruma o tal namorado para Carol: Pedro, o badboy. Mas o que nem Henrique, nem Clara, nem Pedro imaginavam é que a intragável Carol iria se comportar como uma insuportável ao lado de Pedro — e jogar água em todos os planos de romance de Henrique e Clara. Caberá a Pedro dar um bom resultado a esta situação, mas será que ele vai conseguir conquistar o coração de gelo de Carol e, finalmente, domar a megera? Ela é uma fera! é uma releitura escrita pela autora Marina Carvalho do clássico A Megera Domada de William Shakespeare 
“Carolina se gabava por ser exigente. Um cara, para conquistá-la, precisaria ser alguém surpreendente, em todos os sentidos. Saber falar bem o português, ter conhecimentos gerais, apreciar uma boa leitura, não se deixar influenciar pela beleza exterior deveriam ser, no mínimo, suas principais características. Honestamente, queria um Sr. Darcy. Portanto estava fadada a não encontrar o par perfeito, pois um homem com tais qualidades não existia na vida real.”
 Conheci a escrita de Marina Carvalho através de seu livro de estréia, "Simplesmente Ana" (clique aqui e leia a resenha). Quando ela lançou "Ela é uma Fera!" fiquei logo ansiosa para conhecer sua releitura, mas ainda assim demorei para comprar o e-book e lê-lo. Eu não costumo ler e-books, como já disse aqui anteriormente, mas esse era um caso especial.
"Está para nascer um homem que conseguirá alcançar meu coração."
 Nessa releitura de "A Megera Domada", de William Shakespeare, Marina nos apresenta à duas irmãs completamente diferentes. A mais velha, Carolina, é fechada, está sempre de mal humor, não quer se envolver com nenhum homem e evita a todo custo o assunto. A mais nova, Clara, é meio tímida, mas por conta de sua beleza, é a garota mais popular do colégio. Ela é louca para conseguir sua liberdade, sair mais com os amigos e, principalmente, namorar. Mas isso só será possível se sua irmã Carolina namorar antes, e isso é uma regra imposta por seu pai.

 Clara é apaixonada por Henrique, o garoto mais popular de  seu colégio, e ele também quer se relacionar com ela, mas sabe que Carolina é o grande problema. Então, eis que surge uma possível solução: Pedro. Será que ele é capaz de domar a megera?

  A narrativa de Marina Carvalho mais uma vez é fluída, só que dessa vez, em terceira pessoa, o que me agradou bastante de inicio. Gostei também de Marina ter separado os capítulos em atos, como na obra original, e em cada inicio de ato, termos uma frase do conto "A Megera Domada", que condiz com o capítulo que segue.


 Achei a Clara um tanto mimada. Ela tenta, desde o inicio, reforçar a ideia de que ela é injustiçada pelo pai, porque o mesmo deixa sua irmã mais velha livre, quando na verdade, ela era quem deveria ter liberdade para se divertir por ai, coisa que Carolina não faz. Ao meu parecer, Carolina é bem madura, enquanto Clara sempre se fazia de vítima e era muito imatura em relação a tudo. É engraçado que mesmo com a forma ríspida da megera, eu sempre gosto mais dela, do que da irmã mais "boazinha". Acho que nunca serei a favor das personagens que querem parecer muito frágeis e fofinhas demais (risos).


 Eu achei que as coisas aconteceram rápido demais, não possuíam um aprofundamento. Gosto da narrativa em terceira pessoa porque gosto de mais detalhes, porém acredito que isso ocorra pois a proposta do livro é justamente que ele não tenha tantas páginas, para que todos possam aproveitar a leitura em formato ePub, porém mesmo que não fiquemos perdidos, ou os acontecimentos não fiquem confusos, gostaria que a história tivesse mais algumas páginas.
"O primeiro pensamento a passar em sua cabeça foi: Domei a megera. Entretanto, em seguida, pensou: Sou um sortudo filho da mãe."
 Pedro é, sem dúvidas, o bad boy que vai fazer muitas leitoras soltarem suspiros. Mas atenção: esqueçam o Pedro da capa! Ele não parece em nada com o Pedro que Marina nos descreve, e acaba dando uma visão errada do mesmo. Eu gostei bastante das cenas em que ele estava presente, e logo na primeira vi que ele me faria dar umas boas risadas.

 Por fim, Carolina, a megera, continua sendo minha personagem favorita (em todas as adaptações e releituras, sempre me identifico com ela). Foi muito bom matar a saudade da escrita de Marina, e nem preciso dizer que estou doida para ler mais livros dela, certo? Se você não gosta de e-books pois não concorda com os preços, ou não consegue ler os livros por completo por serem longos, não há desculpa desta vez: o livro está a 1,33 na Amazon, e ele possui apenas 155 páginas! Então, recomendo demais a leitura.