[Resenha] Como Eu Era Antes de Você | Jojo Moyes


Título: Como Eu Era Antes de Você
Título Original: Me Before You
Autora: Jojo Moyes
Número de Páginas: 320
Editora: Intrínseca
Gênero: Romance
Sinopse: Aos 26 anos, Louisa Clark não tem muitas ambições. Ela mora com os pais, a irmã mãe solteira, o sobrinho pequeno e um avô que precisa de cuidados constantes desde que sofreu um derrame. Além disso, trabalha como garçonete num café, um emprego que ela adora e que, apesar de não pagar muito, ajuda nas despesas. E namora Patrick, um triatleta que não parece interessado nela. Não que ela se importe.
Quando o café fecha as portas, Lou se vê obrigada a procurar outro emprego. Sem muitas qualificações, a ex-garçonete consegue trabalho como cuidadora de um tetraplégico. Will Traynor, de 35 anos, é inteligente, rico e mal-humorado. Preso a uma cadeira de rodas depois de um acidente de moto, o antes ativo e esportivo Will desconta toda a sua amargura em quem estiver por perto e planeja dar um fim ao seu sofrimento. O que Will não sabe é que Lou está prestes a trazer cor a sua vida. E nenhum dos dois desconfia de que irá mudar para sempre a história um do outro.
" Ser atirada para dentro de uma vida totalmente diferente - ou, pelo menos, jogada com tanta força na vida de outra pessoa a ponto de parecer bater com a cara na janela dela - obriga a repensar sua ideia a respeito de quem você é. Ou sobre como os outros o veem." - Pág. 58
 Lou Clark é uma mulher de 26 anos sem muitas ambições, e que está muito satisfeita com seu pequeno emprego de garçonete em um café. Apesar de não ser tão bem paga como gostaria, seu chefe a trata bem e ela ainda consegue se divertir com os clientes. Quando ela menos espera, seu chefe avisa que terá que fechar o café e ela se vê desolada, pois além de não ter feito nenhuma faculdade, o dinheiro iria fazer muita falta em sua casa. Não demora muito e Lou logo está a caminho de sua primeira entrevista de emprego. Ela se sente insegura e nervosa, não apenas por nunca ter sido entrevistada, mas porque das duas uma: ou ela será contratada como cuidadora de um tetraplégico que pode ser um homem velho e asqueroso, ou continuará desempregada.

 Lou logo descobre que Will Traynor, o homem de quem ela será cuidadora, tem 35 anos. "Menos mal", ela pensa. Lou é divertida, atrapalhada, verdadeira e meio sem noção, exatamente o tipo de pessoa que a Sr. T., mãe de Will, quer para estar com seu filho durante os próximos meses. Existe um motivo muito forte para que ela contrate Lou, mesmo sabendo que ela não tem nenhuma experiência na área como cuidadora, e esse motivo está ligado à vida de seu filho.
"- Sabe, você só pode ajudar alguém que aceite ajuda - disse ela." - Pág. 50
 Lou começa a trabalhar na casa dos Traynor e sua maior dificuldade é justamente ter que lidar com Will. O cara simplesmente parece odiá-la sem nem ao menos conhecê-la, a chama pelo nome da antiga cuidadora e faz questão de colocá-la para baixo. Lou logo colocará um ponto final nesse ódio mútuo e mostrará a Will que existem muitas coisas boas que ele pode fazer na presença dela, ao invés de tentar afastá-la. Ela só não sabe, ainda, que tem pouco tempo para fazê-lo mudar de ideia.

 No início do mês perguntei no Twitter qual livro os leitores me indicariam para comprar. Uma menina me indicou "Como Eu Era Antes de Você", e quando dei RT nela, outras quatro pessoas concordaram com a indicação. Não tinha dúvidas, era esse que eu iria comprar. Quando cheguei em casa e postei a foto do livro, vários leitores comentaram no Facebook e no Instagram como o livro era maravilhoso. Minha ansiedade só aumentava, e quando terminei a leitura do livro (li em dois dias) só havia uma palavra para o final: indignação.

 Eu adorei a Lou e a verdade que ela passa para a gente. Ela é autêntica, não liga para o que os outros pensam de suas roupas um tanto retrôs e muito menos sobre suas atitudes. Eu fiquei com muita raiva da irmã mais nova dela, sério! (risos) A Treena é mãe solteira, depende da irmã para pagar a creche do filho, e quando a irmã perde o primeiro emprego, ela só sabe dizer que ela precisa encontrar um logo. Sim, ela precisa, mas custa dar um apoio para a irmã? Quando ela sai de casa então... que raiva me deu naquela discussão! No fundo a Lou não odeia mesmo a irmã e sabe que não passam de brigas momentâneas e desentendimentos, mas eu fiquei com raiva por ela, sem dúvidas.

 Will é meio turrão e parece mais velho do que é só por causa de suas reclamações. Nós sabemos que ele é tetraplégico e que deve ser horrível depender de alguém para comer, beber e fazer todas as suas necessidades, mas a forma como ele trata Lou no inicio é de deixar qualquer um com vontade de falar umas boas verdades para ele. Com o tempo ele se mostra um cara tão amável e que, na verdade, apenas não quer parecer mais vulnerável do que já é. 

 Eu gostei demais da narrativa de Jojo. Eu ainda não havia lido nada dela, mas agora mal posso esperar para ler "A Última Carta de Amor" e "A Garota Que Você Deixou Para Trás". Achei muito boa a forma como ela nos faz sentir a personagem Lou e mesmo assim, sentir todos os outros presentes no livro. Jojo também escreveu alguns capítulos que são narrados por Katrina, Nathan e os pais de Will. Foi muito bom saber o que eles pensavam sobre cada situação e conhecer mais de seus pensamentos.

 Quando eu disse que terminei a leitura indignada, este é justamente o único motivo para esse livro não ganhar 5 estrelas. Eu chorei com o final? Sim. Não foi um super choro como aconteceu em livros como "Querido John" ou "A Culpa é Das Estrelas", mas o final é sim incrivelmente emocionante, porém quem leu precisa concordar comigo: uma página a mais, antes do último capítulo não ia doer, não é? (Quem não leu provavelmente não está entendendo o porquê de eu querer uma página a mais antes justamente do último capítulo e não depois dele, mas indico que leiam o livro para entender - haha). Eu gostaria de saber o que acontece depois daquele último pedido. Gostaria de chorar junto a Lou e suplicar para que Will mudasse de ideia, porém simplesmente olho para a página do lado e tudo que eu imaginei simplesmente continua na minha imaginação.

 Em "Como Eu Era Antes de Você" Jojo Moyes nos apresenta a dois personagens com vidas totalmente distintas, mas que descobrirão que tem bastante em comum. Ou, talvez não tenham, porém precisam das diferenças de cada um para se completar. Jojo fala sobre família, amor, confiança e, principalmente, a vida. Neste livro ela irá mostrar que devemos dar valor a cada momento e como nada é por acaso.