[Resenha] Quando Uma Garota Entra Em Um Bar | Helena S. Paige.


Autora: Helena S. Paige.
Título: Quando uma Garota Entra Em Um Bar
Título Original: A Girl Walks Into a Bar
ISBN: 9788581632872
Editora: Novo Conceito
Selo: Novo Conceito
Número de páginas: 240
Gênero: Ficção, Erótico
Sinopse: Então você se arrumou toda para uma noite de amigas, daquelas onde só as mulheres participam, mas suas amigas mudaram de planos sem avisar e, agora, você está sozinha em um bar superbacana, arrumada e perfumada, e sem saber bem para onde ir...
O que você faz? Aproveita que já está por ali, pede uma tequila e dá uma boa olhada no yuppie que está na mesa ao lado? Ou pede uma cerveja e vai pra perto do palco arrebatar o baterista? Pode ser que você prefira uma paquera com o rapaz de botas de bico fino e músculos trabalhados que está encostado à parede.
Ou, quem sabe, tomar um café com o bombeiro que está cuidando da segurança dos clientes e que, neste instante, está verificando o funcionamento do extintor...
E isso tudo só pra começar! A escolha é sua — e você tem um mundo de possibilidades nesta noite que parecia começar mal!
Só não espere que esta experiência seja como outra qualquer, porque esta noite ficará definitivamente marcada em sua memória de erotismo e paixão.
Divirta-se com esta definitiva experiência sensual onde você, e só você, terá o controle de seu próprio prazer!
"Você precisa tomar uma decisão, e rápido."

  Quando a Novo Conceito publicou "Quando Uma Garota Entra em Um Bar" eu já achei a capa linda. Depois, veio a notícia ruim: o livro só seria enviado para os parceiros maiores de 18 anos. Fiquei logo esperando pelas resenhas de outros blogueiros para poder saber se valeria a pena ou não comprar o livro, e quando as resenhas começaram a ser postadas, minha ansiedade só aumentava. O verdadeiro motivo para eu ficar tão interessada no livro, e comprá-lo, é o fato de ele ser escrito em segunda pessoa. Eu nunca li nenhum livro narrado dessa forma, e saber que eu iria escolher o destino da personagem (que no caso seria eu mesma) me deixou muito curiosa. 

 O livro foi escrito por três amigas que usam o pseudônimo de Helena S. Paige. As três conseguem, de uma forma brilhante, mesclar todas as opções que temos e me fizeram questionar muitas vezes quanto tempo levou para concluírem a obra. Sério, é incrível. Em uma hora estou na página 10 (isso é apenas um exemplo), e na outra estou na página 50, e me pergunto: "o que teria acontecido se eu tivesse feito aquela outra coisa?". As autoras conseguem fazer com que o livro seja um pouco como o retrato de nossa vida, onde temos que fazer escolhas diariamente, e lutar contra a curiosidade em saber o que teria acontecido se tivéssemos feito aquela outra escolha. A ideia do livro é realmente incrível.

 Agora, se você está esperando um livro onde o "hot" se aplica somente a dormir com um ou dois (ou três) caras em uma mesma noite, você está enganado. O livro possui detalhes (e bota detalhe nisso) sobre todas as... travessuras (digamos assim) que nós fazemos. Mas, caso você seja uma pessoa bem resolvida, quase chegando aos seus 18 anos (meu caso, cof cof), não há problema. Eu cheguei até a me pegar rindo em alguns momentos, pois a coisa toda é tão surreal, e  você ler aquilo tudo sobre um personagem fictício é uma coisa, outra completamente diferente é ler coisas como "Você precisa tomar uma decisão, e rápido." e as suas opções são coisas como ir se aventurar na suíte de um astro do rock, ou ver o que acontece com a mulher louca que está na sua frente despida. Entenderam, certo? (risos) Acho que elas fizeram isso justamente para que as pessoas se divertissem - em todos os sentidos, né.

 Helena S. Paige criou uma obra totalmente inovadora, onde a personagem é ninguém mais, ninguém menos, do que você próprio, e onde você fará coisas que talvez nunca tenha se imaginado fazendo. O livro é hot, porém não deixa de ser divertido, e tenho certeza de que todos irão gostar de ter mais de duas opções "na sua vida" haha