[Resenha] Azul da Cor do Mar | Marina Carvalho

Autora: Marina Carvalho
Título: Azul da Cor do Mar
ISBN: 9788581633732
Editora: Grupo Editorial Novo Conceito
Selo: Novas Páginas
Número de páginas: 336
Gênero: Literatura Nacional, Ficção, Romance
Sinopse: ACASO, DESTINO ou LOUCURA? No caso de Rafaela, Pode ser tudo isso junto. Para alguém como ela, nada é impossível. Rafaela sonha desde a adolescência com o garoto que viu uma vez, perto do mar, carregando uma mochila xadrez... A ideia fixa não a impediu, porém, de ser uma menina alegre e muito decidida. Ela quer ser jornalista, e seu sonho está se concretizando: Rafaela Vilas Boas (um nome tão imponente para alguém tão desajeitado) conseguiu um estágio no melhor jornal de Minas Gerais. Mas, como estamos falando de Rafa, alguma coisa tinha que dar errado. O jornal é mesmo incrível, mas seu colega de trabalho, Bernardo, não é a pessoa mais simpática do Mundo. Em meio a reportagens arriscadas – e alguns tropeços -, Bernardo acaba percebendo, contra a sua vontade, que Rafaela leva jeito para a coisa... E que eles formam uma dupla de tirar o fôlego. Mas e a mochila? E o garoto, o envelope, as cartas? Um dia a estabanada Rafaela vai ter que se libertar dessa obsessão.
"Quando eu dei por mim, estava obcecada pela figura do misterioso garoto da mochila xadrez."
 Eu estava muito ansiosa para ler este livro da Marina desde antes do lançamento. No antigo blog da autora ela havia deixado a sinopse de um livro, ainda não publicado. Na época, o livro se chamava "O Menino da Mochila Xadrez"- se não me engano -, e quando a capa do livro foi divulgada oficialmente, juntamente à sinopse, eu logo fiquei animadíssima. 

 A primeira coisa que já me agradou logo de cara foi que a personagem principal, Rafaela, está cursando Jornalismo na PUC. Rafa acaba de ganhar um emprego como estagiária no melhor jornal de sua cidade, porém o que parecia o melhor emprego do mundo para ela, acaba se tornando insuportável já no primeiro dia, quando ela descobre que  faz parte de um novo projeto do jornal e terá que, praticamente, viver na cola de um homem que logo de cara parece ser insuportável. Bernardo é rude, mal educado e não se importa em nem um pouco se a está tratando mal, aliás, faz de tudo para complicar ainda mais a vida e o trabalho da nova companheira.

 Rafa, apesar de tudo, continua a trabalhar com o máximo de dedicação possível, mas existe alguém que toma conta de seus pensamentos de vez em quando: um garoto que ela conheceu, ou melhor, viu em uma praia em Iriri quando tinha 11 anos e nunca mais avistou. O garoto havia marcado seu coração desde aquele dia, e mesmo 10 depois, e sem ao menos saber o nome dele, ela continua a dedicar seus melhores pensamentos à ele. Agora Rafa quer fazer o seu melhor no novo emprego, e com o tempo, tentar esquecer e superar a paixão pelo menino que ela viu há 10 anos atrás. Mas como ela pode superar algo que nem sequer aconteceu?
"Prometo deixar seu coração inteiro daqui para frente."
 Rafa é uma personagem que desperta carinho no leitores desde o primeiro parágrafo do livro. A narrativa em primeira pessoa ajuda a compreender mais a personagem e compartilhar dos mesmos sentimentos que ela. As descrições e detalhes são escritos na medida certa, sem exageros, e Marina sabe exatamente como prender o leitor e nos fazer querer ler mais e mais.

 Entre Marcelo e Bernado eu preferi o Bernardo desde o início. Quem leu o livro pode até dizer "Mariana, você está louca!", e compreendo que no primeiro momento em que ele apareceu não havia outras palavras pra ele que não fossem rude e cara de pau, mas convenhamos, podemos perceber logo que Marina reserva um futuro misterioso e brilhante para esse personagem. Ela não dá pistas de nada, mas meu sexto sentido de leitora deu alarme (risos). Marcelo me pareceu meu falso no início, porém depois percebi que seus sentimentos eram realmente verdadeiros. De qualquer forma, ele acabou não me convencendo tanto.

 A Marina, como sempre, nos apresenta a vários outros personagens que completam a história e a fazem ficar ainda mais contagiante e emocionante. Os irmãos e as amigas de Rafa dão um ar mais engraçado a história em alguns momentos, o pessoal da redação do Jornal nos deixa com vontade de trabalhar ali também, e toda a energia positiva e as trapalhadas da Rafa nos deixa com vontade de viver sua história (com direito a todos os acontecimentos! Desde o romance até a adrenalina  risos), e nos rende boas risadas.
 Como eu disse no inicio da resenha, logo de cara adorei que Rafa estava cursando jornalismo, e adorei ainda mais que cada capítulo se inicia com um trecho do Manual de Redação da Folha de São Paulo e do Jornal O Globo. Além do mais, a diagramação está incrível! Além da capa maravilhosa, cada capítulo se inicia com uma ilustração (um computador, uma caneta, um caderno...), e as fontes do livro deixam o mesmo com um ar ainda mais fofo. Sobre o título, acabei achando a mudança maravilhosa, pois ao lê-lo pela primeira vez, nem imaginamos o que pode acontecer ao longo da trama, e ao mesmo tempo ele tem tudo a ver com a história. Um local, uma pessoa, um sentimento e um sonho. Tudo isso pode ser resumido apenas ao título desse livro.

  Marina Carvalho escreveu um livro que nos proporciona momentos de ação, suspense, diversão e, claro, romance, sem deixar nenhuma ponta solta. "Azul da Cor do Mar" é um livro que é muito mais do que aparenta ser, e surpreende a cada página, mostrando como a autora sabe prender o leitor do início ao fim. Não torcer pela felicidade da Rafaela é impossível, mas não desejar ter uma história emocionante como a dela também é.

Comentários

  1. Adorei sua resenha. Estou louca por esse livro . Marina e uma excelente escritora
    http://foreverabookaholic.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Já li Simplesmente Ana da Marina Carvalho e adorei a escrita da autora, então imagino que este livro também não deve ser diferente. Ansiosa pra adquirir o meu também. Gostei muito da sua resenha bem elaborada.
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. AMEI sua resenha! Eu não estava tão curiosa a respeito do livro, mas suas palavras me convenceram, Mari! Tomara que tenha algum sorteio coo teve de Simplesmente Ana aqui no Magia, se não, eu vou comprar sem dúvidas

    ResponderExcluir
  4. Eu li Simplesmente Ana e adoorei, espero gostar muito desse também, a capa é simplesmente linda e a sinopse é encantadora!! E noossa é tão bom quando nos simpatizamos com os personagens!! espero poder ler esse livro logo logo!! Beijos!

    http://meudiariojk.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Não saia sem comentar!
Queremos saber sua opinião ;)

Postagens mais visitadas