[Resenha] A Menina Que Colecionava Borboletas | Bruna Vieira


Titulo: A Menina Que Colecionava Borboletas
Autora: Bruna Vieira
ISBN: 9788582351222
Editora: Gutenberg
Número de Páginas: 152
Gênero: Textos e Crônicas
Sinopse: Bruna Vieira está cada vez mais longe dos quinze, e sabe que crescer nunca é tão simples. Considerada uma das blogueiras mais influentes do mundo, mais uma vez ela dá vazão ao seu talento como escritora com este seu novo livro de crônicas e pensamentos, em que mostra o quanto amadurecer e conquistar a independência é maravilhoso, mas tem seus desafios e poréns. A garota do interior que usa batom vermelho e que realizou seus maiores sonhos continua inspirando adolescentes de todo o país. Para ela, as páginas deste livro significam o bater de asas das borboletas que colecionou dentro do peito por algum tempo e que agora, finalmente, pode deixar que voem livres por aí.
“Respire fundo e olhe para trás. Repare bem no que vê. Não eram imperfeições. Eram asas. Agora, você não é mais um casulo. Você é uma borboleta. Voe!” 
Oi pessoal, tudo bem? Eu sou Monaliza Moraes, nova resenhista do Magia Literária, e pretendo começar fazendo resenha do livro de uma escritora brasileira que eu admiro muito: Bruna Vieira.
"Conheça o mundo. Não necessariamente em uma viagem. Às vezes, o que a gente precisa mesmo é olhar tudo de uma perspectiva diferente."
 Neste livro, nossa querida Bruna Vieira escrevera crônicas, sobre várias fases que nós, meninas, passamos no decorrer do nosso amadurecimento. Para as leitoras que já leram “Depois dos Quinze” , o primeiro livro de crônicas da Bruna, percebera o quanto ela amadureceu nesse terceiro livro. É um mix muito bom de sentimentos, que, conforme eu ia lendo, ficava triste e feliz, confortável e desconfortável com o rumo de algumas crônicas. É um livro incrível, hora você se identificara muito, hora você aprende ou irá saber o que fazer em alguma situação que possa estar passando, mas não saiba o que fazer ainda.
"Todos nós vivemos dentro de uma bolha e nem sempre podemos controlar a direção do vento. Mas a maneira como enxergamos o trajeto e quem escolhemos para estar ao nosso lado, isso sim, é uma tarefa completamente nossa."
 Esse é um livro fácil, de leitura rápida e, particularmente, eu amei todas as crônicas, me sentia a personagem da maioria das historias, consegui identificar o que se passava comigo, ou com amigas em outras. É um livro que te envolve de uma maneira sem igual. Foi como já disse no parágrafo anterior, é incrível! Bem, posso ser meio suspeita quando se trata de Bruna Vieira, por eu ser apaixonada por ela, porém, até hoje não encontrei ninguém que leu e não gostou ou não se identificou (caso alguma de vocês não tenha gostado de algo no livro, compartilhe comigo hihi). 

 Posso dizer a vocês, que uma das crônicas que eu mais gostei, foi a primeira: “Corpão”. Esse é um dos temas que mais abrange o mundo das meninas, principalmente na adolescência. Muitas meninas se sentem magra demais ou acima do peso, mas esquecem do principal: ser feliz consigo mesma e não depender da opinião dos outros. O que mais precisa contar é: primeiro você, segundo você e terceiro você. E para as leitoras, que estão preocupadas por estarem acima do peso e ouvindo coisas desagradáveis, vai um recadinho da Bruna: “(...) Eu não estou falando só de amar minhas curvas, viu ? Vem de dentro para fora. Não é sobre aceitar os defeitos, é sobre aceitar as diferenças.” E tem muitos outros que amei, mas se for falar todos, não acabo de escrever hoje.

 A diagramação do livro esta simplesmente linda! A Editora caprichou nas capas com desenhos, tanto nas coloridas quanto nas em preto e branco! Todas interligadas com frases, que compartilhei muitas vezes nas redes sociais por ter gostado tanto das páginas hahaha. A Capa do livro esta maravilhosamente linda. Dessa vez, nada de “Quinze” na capa, agora encontramos uma nova Bruna, que é mais confiante e segura de si. Uma Bruna mais madura, mais mulher, em busca da sua liberdade, como uma borboleta que acabou de sair do casulo.
"Todo mundo sente. Então, todo mundo é meio escritor. É uma questão de coragem.
 A Mari, dona do ML, conheceu a Bruna e já a reencontrou no Rio em outros eventos, mas deixo aqui a entrevista que ela fez no lançamento do primeiro livro da Bruna. Vale a pena conferir:


Vamos nos conhecendo mais ao longo do tempo!
 Esperem que gostem das resenhas, 
beijinhos 

Comentários

  1. Olha flor eu vou ser bem honesta com você: adorei a maneira com que vocẽ fez essa resenha, muito objetiva e esclarecedora, e que bom que temos novas resenhistas aqui no blog, mas eu não sou muito fã da Bruna Vieira. Acho que os livros dela mesmo com um certo amadurecimento ainda são muito simplórios, nada muito literal que me faça desejar. Li esse e achei bem morno, mas para adolescentes deve ser a leitura ideal

    ResponderExcluir
  2. Eu tenho um problema sério de "preconceito" com youtubers lançando livros. Não me pergunte o porquê, eu só tenho.
    Não me interesso por nenhum livro dela e não pretendo ler.

    Um beijo,
    Livrologias.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Este livro sempre me chamou a atenção pela sua linda capa e assim que soube que era sobre crônicas fiquei ainda mais animada pois curto bastante e sua resenha sobre elas somente me incentivam mais a querer adquirir o livro!
    Beijo!!

    ResponderExcluir
  4. Acho a capa desse livro linda!! Mas quando soube que eram crônicas perdi um pouco a vontade de ler, pois é um gênero que não curto muito. Mas tenho vontade de conhecer o trabalho da autora e assim que possível quero ler algum livro dela.

    Beijos!!

    ResponderExcluir
  5. Infelizmente nunca li nada da autora, mas espero ler esse livro, parece legal, e amo essa capa *-*

    ResponderExcluir
  6. Deve ser um livro bom para conhecer um pouco mais sobre vocês meninas, sempre gostei muito dessa capa, nunca li nada da autora, mas tenho muita vontade de conhecer a escrita da Bruna, perceber o amadurecimento dela ao decorrer de seus livros deve ser gratificante para quem é fã, o estilo de crônicas sempre me conquista, com as desse livro não será diferente.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Não saia sem comentar!
Queremos saber sua opinião ;)

Postagens mais visitadas