[Resenha] Aconteceu em Veneza | Molly Hopkins


Título: Aconteceu em Veneza
Título Original: It Happened in Venice
Autora: Molly Hopkins
ISBN: 9788581635590
Grupo Editorial: Novo Conceito
Número de Páginas: 464
Gênero: Comédia Romântica
Sinopse: Bem-vindo a Veneza, a Cidade do Amor. Ele traiu, mas foi uma única vez! Evie Dexter prometeu perdoar seu noivo, Rob e todos os esforços para absolvê-lo de seus pecados estão valendo a pena: nos últimos 10 dias, ela só o chamou de cafajeste 11 vezes. Graças aos céus, sua carreira de guia de turismo está indo muito bem. Evie já conheceu a elegante Dublin, a estilosa Marrakech e a descolada Amsterdã. Quando é convidada para visitar, com todo o luxo e glamour, a sensual cidade de Veneza, com seu vinho delicioso e os italianos impetuosos, ela agarra a oportunidade com unhas e dentes. Se você está à procura de romance, já encontrou o seu destino: embarque em Aconteceu em Veneza, viaje com Evie e tente responder a esta pergunta: o que você faria se estivesse no lugar dela?
"Tenho as cartas na manga. Sou eu quem vai dar as ordens por aqui."
 Desde que li Aconteceu em Paris e conversei com Molly Hopkins pela primeira vez eu estava super ansiosa para ler Aconteceu em Veneza. Evie é uma das personagens mais engraçadas que tive o prazer de conhecer e a narrativa divertida de Molly só me deixava mais ansiosa pela próxima página.
"Não vou estragar o resto da nossa vida por causa de um erro idiota da parte dele; um erro que, tenho certeza, não se repetirá. E não vou ficar esfregando isso na cara dele o tempo todo, porque quero que este relacionamento dê certo. E vai dar certo, porque estou apaixonada por ele."
 No primeiro livro Rob traiu Evie mas foi perdoado. Porém perdoar não significa esquecer! Evie tenta, a todo custo, esquecer a traição, mas lembra a cada 5 minutos da infidelidade do namorado. Os dois estão de férias em Barbados aproveitando bastante o quarto de hotel e, graças a insistência de Evie, agora estão tentando aproveitar mais do sol e da praia. O problema é que, quando eles voltam para Londres, a traição - quase já perdoada - de Rob não será o único problema. 
"- Evie, se você por acaso mencionar esse meu único momento de loucura novamente, do qual me arrependo para sempre, vou te pregar no chão e arrancar todos os fios da sua sobrancelha, até ela desaparecer."
 Não importa quantas vezes eu disser, nunca vai ser o suficiente: eu amo a Evie! Ela é tão autêntica, mas tão insegura ao mesmo tempo. Ela consegue ser forte e determinada, mas logo em seguida é frágil e mostra como a vida não pode ser perfeita. Evie tem mais erros do que acertos, mas não se importa realmente com o fato de errar, o que importa é o erro ou a forma como ela errou e que poderia ser modificada. Sem falar que o jeito engraçado dela torna a leitura ainda mais proveitosa e, claro divertida.

 Temos outros personagens que nos proporcionam bons momentos de leitura: Lexy, irmã de Evie, é totalmente sem noção; suas filhas gêmeas, Lauren e Becky, tem personalidades bem opostas, Nikki e sua família tornam o livro ainda mais animado, John é fofo em um primeiro momento e Lulu... essa merece um parágrafo! Ela é tão incrível como desagradável Quando entrevistei a Molly Hopkins eu disse que a achava divertida e ela me disse "A Lulu é um capeta. [...] uma personalidade como a de Lulu mantém o ritmo em movimento e por ela não ser a personagem principal, seu egoísmo e mau comportamento se tornam divertidos ao invés de chatos." E é exatamente isso! Dessa vez tentei analisar da forma como a autora mencionou e não consigo decidir se amo ou odeio a personagem, mas posso dizer que na maior parte do tempo eu a adoro. Ela é divertida mas bem egoísta, e quando paramos para analisar uma situação, podemos nos dar conta que ela não está apenas pensando na amiga, mas sim nela mesma.


 Assim como o primeiro livro, este tem quase 500 páginas e eu não consegui sentir que estava lendo tudo isso. A leitura é muito fluída, a escrita de Molly é bem descontraída e fácil de acompanhar, os personagens são cheios de personalidade, a história não cai no clichê em nenhum momento e temos muitas surpresas ao longo da leitura. A autora consegue fazer o leitor se apaixonar pela história e pelos personagens quase de forma instantânea, sem falar que Veneza não é o único destino de Evie neste livro, mas é o lugar onde algo realmente importante na vida de nossa personagem acontece, o que torna o título perfeito.

 Se olharmos para essa capa e para a do primeiro livro eu, sem dúvidas, vou dizer que prefiro esta. Ela é romântica como Veneza e chama bem mais atenção do que a outra, sem falar que a original (ao lado) nem se compara a ela. A Novo Conceito também  deixou a diagramação bem especial: no inicio de cada capítulo temos a ponte Rialto e uma gôndola.

 Aconteceu em Veneza é o tipo de livro que te envolve de uma maneira única, fazendo com que você só pare a leitura quando a história acaba e, mesmo assim, queira mais. Molly Hopkins nos faz viajar junto a Evie e outros personagens super divertidos para Barbardos, Dublin, Marrakech, Amsterdã e, claro, a maravilhosa Veneza. Sem dúvidas, uma leitura imperdível!


 Aconteceu em Veneza é o segunto livro da trilogia "Aconteceu". It Happened in a Bootcamp (Aconteceu em um Acampamento) é um livro que foi lançado apenas em e-book no Reino Unido e eu torço para que a NC lance aqui no Brasil também!


E no dia 08 de Outubro, às 12h30, estarei participando do Hangout com a autora!
 Se você tiver alguma pergunta, mande através da aba "Contato" e quem sabe eu faço em seu nome ;)