[De Repente Dá Certo] As cores

 Talvez eu nunca entenda por que eu sempre volto pra casa pensando em você. Por mais que eu saiba de tudo, por mais que você tenha me falado tudo aquilo aquele dia, eu continuo acreditando que nossos caminhos se encontram no final. Eu nem sei que final é esse, porque eu nem sei o que eu sinto direito, mas eu sei é que depois de tudo que passou eu continuo te esperando. Justo na hora que eu não tinha que esperar mais nada de você, eu tive vontade de que voltar pra casa fosse voltar pra você. E eu te liguei aquele dia só porque eu queria fazer alguma loucura que fosse, mas eu queria que fosse junto com você. E alguma loucura pra mim é muito simples. Só queria tocar a sua campainha, te abraçar e te dizer quanto eu sinto a sua falta, por mais que você nunca tenha sido meu. A sua falta é uma ausência sem fim, preenchida por momentos de muita, muita cor.

 Eu queria sair manchando sua casa inteira, suas roupas, seu sofá, sua imaginação e sua vida. Pra você nunca se esquecer de mim e saber que ela aquela é a minha cor. Exatamente como você fez comigo. Minha cor preferida era a sua, então ficou muito fácil me manchar. E, desde então, eu sinto um vazio colorido por você. Eu sei que eu inventei uma história inteira pra nós dois e agora eu não sei mais desfazer, porque você que começou a contar. E o pior é que você sabe de tudo isso por mais que eu tente disfarçar sempre, porque quando eu to perto de você eu fico desarmada, frágil e transparente. E talvez seja por isso que você conseguiu me colorir inteira. E mesmo quando eu vou embora, eu consigo sentir toda essa tinta escorrendo pelo meu cabelo, fazendo meus olhos arderem. E se me perguntarem por que eu gosto de você, eu nunca vou saber responder. Só sei que volto pra casa pensando em você. Pensando que era você que poderia estar me esperando lá. Só isso.

Marcela Picanço

Comentários

  1. Aa vezes uma loucura pequena para uns , é tão grande e importante para nós...amei o texto.
    Beijos!
    seforasilva.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Loucuras que para os outros podem não tee significado para nós é tão simples e tão especial!!!
    Amei o texto !
    Beijos !
    seforasilva.blogspot.com

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Não saia sem comentar!
Queremos saber sua opinião ;)

Postagens mais visitadas