[Resenha] No Mundo da Luna | Carina Rissi


Título: No Mundo da Luna
Autora: Carina Rissi
ISBN: 9788576863021
Grupo Editorial: Record
Editora: Verus
Número de Páginas: 476
Gênero: Chick Lit, Romance 
Sinopse: A vida de Luna está uma bagunça! O namorado a traiu com a vizinha, seu carro passa mais tempo na oficina do que com ela e seu chefe vive trocando seu nome.Recém-formada em jornalismo, ela trabalha como recepcionista na renomada Fatos&Furos. Mas, em tempos de internet e notícias instantâneas, a revista enfrenta problemas e o quadro de jornalistas diminuiu drasticamente. É assim que a coluna do horóscopo semanal cai no colo dela. Embora não tenha a menor ideia de como fazer um mapa astral e não acredite em nenhum tipo de magia, Luna aceita o desafio sem pestanejar. Afinal, quão complicado pode ser criar um texto em que ninguém presta atenção?
Mas a garota nem desconfia dos perigos que a aguardam e, entre muitas confusões, surge uma indesejada, porém irresistível paixão que vai abalar o seu mundo. O romance perfeito — não fosse com o homem errado. Sem saída, Luna terá que lutar com todas as forças contra a magia mais poderosa de todas, que até então ela desconhecia: o amor.
"As desgraças sempre vêm em pares, é o que dizem por aí."
 Quando li Perdida, da Carina Rissi, fiquei encantada com sua escrita, o carisma de sua personagem e a forma como ela me prendeu. A prova disso é que perdi todas as aulas de uma manhã para ler o livro - realmente não conseguia parar. No sábado, no lançamento de seu quarto livro, No Mundo da Luna, pude conhecer a autora e, já no caminho de casa, comecei a ler o livro. Parecia déjà vu: eu não conseguia e não queria parar de ler mais um livro da Carina.
"Existem pessoas que têm sorte e conseguem trabalhar naquilo que gostam. E existem pessoas como eu, que chegaram perto, mas tão perto, que quase tocaram o sonho, só para vê-lo evaporar feito fumaça."

 Luna é uma jornalista recém-formada que trabalha como recepcionista na revista Fatos&Furos. Ela divide o apartamento com a amiga Sabrina, sua família é cigana (mas ela não acredita em nada que envolva "coisas ciganas"), tem um irmão que ama mas com quem vive brigando, seu carro passa mais tempo na oficina do que com ela e acaba de terminar um relacionamento de dois anos pois foi traída pelo namorado. Luna acredita que sua vida está uma droga e não pode mudar. Pelo menos não para pior. Mas pode ser que ela estava enganada sobre mudanças.
"- Sua magia é forte. Use-a com sabedoria e nunca em benefício próprio. As cartas não permitem. [...] Eu quase dei risada. Magia em mim? Que ridículo. Nunca houve nada mágico em mim."
 Luna acaba recebendo a oportunidade que tanto queria: uma coluna na revista Fatos&Furos. Só que nem tudo são flores. A coluna é de Horóscopo e ela não sabe por onde começar a escrevê-la. Como ela poderia dar conselhos para as leitoras das revistas sobre seus signos? Mas será que isso teria tanto valor? Será que as leitores realmente prestavam atenção e seguiam conselhos de horóscopo? Será que, pelo menos, liam a coluna? Luna resolve, então, fazer as coisas do seu jeito e fazer a coluna dar certo o suficiente para mantê-la na revista e fazer com que ela deixe de ser a recepcionista, mas ao mesmo tempo não tão certo, para que ela possa ganhar uma coluna de verdade. Só que as coisas podem não sair como planejado.
“Enquanto você não parar de mentir para si mesma, só vai conseguir confusão.”
 Mais uma vez Carina conseguiu me prender de uma maneira maravilhosa. Eu adoro sua narrativa segura, suas protagonistas sinceras, suas histórias descontraídas. Ela consegue ir do momento sério até o divertido de maneira natural, consegue fazer os problemas acontecerem na história sem serem forçados, consegue escrever uma história de quase 500 páginas que não tem buracos e, principalmente, faz o leitor vibrar, rir, se emocionar e refletir. Acho que é isso o que mais gosto na Carina: o fato de ela conseguir escrever um livro onde todos os sentimentos estão presentes e que a história parece bem real.
"- Sinto muito. - E sentia mesmo.
 - Que bom para você, porque eu ainda não sei como me sinto."
 Luna é do tipo de personagem que você adoraria conversar. Ela é engraçada, tem personalidade e é cabeça dura, mas também tem seus momentos de tristeza, e pode ter suas dúvidas mas não desiste de tentar consertar as coisas - mesmo que até o certo se torne errado em suas mãos. Adorei a forma como Carina envolveu a cultura cigana de maneira leve, incluiu os signos de uma forma que desperta a nossa curiosidade e, até quem já acredita neles e fez o mínimo de pesquisas, terminará a leitura com vontade de se aprofundar nesse mundo.
"- Vladimir, você sabe quem é esse tal cigano Google?"
 Gente, que vontade de conhecer a avó de Luna. Ela me lembrou minha avó e tenho certeza que as duas seriam boas amigas (risos). Ela é cigana e até hoje não aceita o fato de sua filha ter se casado com um gadje (como são chamados os não-ciganos) e seus netos terem sido criados por ele. É bem engraçado acompanhar a forma como ela trata Luna, como tenta colocar a neta no caminho certo e como ela não desiste de Luna mesmo que a neta não acredite em nada do que ela faz. Ela foi uma das melhores personagens do livro para mim.
"- Então eu chamaria isso de infeliz coincidência - Sabrina riu.
 - E eu chamaria de carma."
 Sabrina também é uma personagem marcante na história. É com ela que Luna divide o apartamento e é ela que acredita mais nos poderes de Luna do que a própria. Ela é super divertida, meio impulsiva e acredita demais no que seu horóscopo diz mesmo sabendo que Luna não está fazendo aquilo de maneira correta. Ela é uma personagem fundamental para o desenrolar da história, assim como Viny...
"- Vinícios Camargo, mas pode me chamar de Viny.
 - Luna Braga. - Mas pode me chamar de meu amor."
 Obviamente não falarei aqui quem é o cara certo e quem é o cara errado na vida da protagonista, mas indico que fiquem de olho em Viny. O cara vai mudar a história sem perceber, e vai ser essencial em outros pontos também. Algo que reparei é que nenhum personagem nos livros de Carina aparecem por acaso. Todos, absolutamente todos tem o seu porquê de estar ali. Até aquele que você pensa que será esquecido tem algo a acrescentar.
"Quando te convidam para o paraíso, é loucura se recusar, por isso fiquei abraçada a ele."
 O romance, obviamente, está presente. Eu gosto de romances onde nós não sabemos logo de cara com quem a protagonista irá ficar. Gosto de acompanhar sua trajetória como seria de verdade: nem ela sabe quem ou o que é certo ou errado. Carina conseguiu criar um casal cativante que diverte e envolve o leitor (a cor azul nunca mais será apenas azul depois desse livro!), fazendo com que o mesmo torça pelo dois a partir do momento em que se dá conta de que eles foram feitos um para o outro e, no final, fique torcendo para a Carina anunciar um spin-off sobre o futuro dos dois (quero certos nomes, Carina!) ou até uma continuação.
"- Não dá para terminar algo que nunca começou, Luna."
 E claro que a Record caprichou na diagramação. A coluna de Luna está sempre presente na leitura e adorei saber tudo o que ela escreveu (é como se Carina nos fizesse ser parte da história e nos tornasse leitores da revista Fatos&Furos também), as folhas são amareladas, o espaçamento está ótimo e mesmo que a fonte seja um pouco menor do que o padrão (e mesmo assim tivemos quase 500 páginas. Já disse que adoro a Carina?), a leitura não fica cansativa. A capa está ainda mais linda pessoalmente: o nome da autora tem destaque, o título e a mulher na capa estão com verniz e eu amei o detalhe do mapa astral em contraste com o fundo.
"A magia existe sim, só que está nos olhos de quem vê."
 Vale a pena esperar o amor verdadeiro? É certo seguir conselhos de quem parece saber o que está falando mas você não conhece? As coisas erradas que acontecem em nossas vidas vêm mesmo para que algo bom aconteça? No Mundo da Luna é o livro no qual saberemos as respostas para essas e outras perguntas que envolvem nosso destino graças à Luna. Neste livro a autora nos convida a conhecer os mistérios que envolvem o amor e o destino, além de nos proporcionar ótimos momentos. Ela consegue escrever um livro leve, mas cheio de informações, ao mesmo tempo que é muito divertido, porém envolve um assunto sério. Carina Rissi conseguiu, mais uma vez, me envolver do início ao fim e me pergunto se, algum dia, ela não irá conseguir. 

Comentários

  1. Olááá
    Já li algumas resenhas sobre o livro, e parece ser muito legal, a sua me deixou ainda mais curiosa, espero ler em breve e gostar apesar de nunca ter lido nada da autora.
    A capa está bonita e a premissa muito legal.
    ótima resenha.

    http://realityofbooks.blogspot.com.br/
    Catharina
    Reality Of Books

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu AMO a escrita da Carina e super indico, Catharina.
      Espero que possa ler logo e que ame tanto quanto eu :D

      Excluir
  2. Omg!
    Mariana,ficou incrível sua resenha!
    Você conseguiu descrever tudo o que eu sentir quando li!! O mistério pra saber qual vai se o par da protagonista foi um dos muitos pontos altos do livro.A Carina como sempre arrasou ! ..E a cor azul(minha cor favorita) ganhou pra mim um novo significado rsrsrsrr ;-) :-*
    Ameii demais!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Jéssica!
      Fico feliz que tenha gostado da resenha e que se encantou tanto quanto eu. Adorei que não falaram o nome do par de Luna na sinopse para manterem o suspense e outro dia vi um fusca azul e comecei a rir na rua sozinha hahaha

      Excluir
  3. Arrasou!!!!!!!!!!!!!! Resenha perfeita e maravilhosa, Mari!! Parabéns pela bela escrita!!
    Ps: eu ainda não li, mas tô no início e tôôô AMANDO!!! =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Carol! Fico feliz que tenha gostado da resenha.
      Espero que tenha amado mesmo o livro :D

      Excluir
  4. Quero o livro 😿 só consegui ate a pag 78 da amostra do play livros 😞

    ResponderExcluir
  5. Adorei a resenha!!! Li somente Procura-se um Marido, mas já comprei esse também, adorei a escrita da Carina Rissi, e me tornei uma grande fã!!!!!
    Só para constar, adorei o blog!!!

    ResponderExcluir
  6. Definitivamente este não é o meu livro favorito da Carina Rissi. Apesar dela ter criado outro mocinho apaixonante e lindo, a Luna por sua vez se mostrou imatura e apesar de ter dado boas risadas e do livro ter sido bom de ler, achei que a autora "pesou a mão" nas brigas entre o casal e isso tirou um pouco do prazer na leitura.
    Mesmo assim eu indico sim o livro para as pessoas que curtem o gênero e gostam da escrita da autora.

    Parabéns pela resenha!
    Beijos!
    Viviane Gonçalves
    vsg_caue@hotmail.com

    ResponderExcluir
  7. Definitivamente este não é o meu livro favorito da Carina Rissi. Apesar dela ter criado outro mocinho apaixonante e lindo, a Luna por sua vez se mostrou imatura e apesar de ter dado boas risadas e do livro ter sido bom de ler, achei que a autora "pesou a mão" nas brigas entre o casal e isso tirou um pouco do prazer na leitura.
    Mesmo assim eu indico sim o livro para as pessoas que curtem o gênero e gostam da escrita da autora.

    Parabéns pela resenha!
    Beijos!
    Viviane Gonçalves
    vsg_caue@hotmail.com

    ResponderExcluir
  8. Eu AMO a Carina Rissi! e amo esse livro! O Dante é perfeito e fofo e nerd! tenho que ter ele.Ele a Luna fazem um casal muiito fofo!

    ResponderExcluir
  9. adorei ler esse livro... a leitura é cativante.
    a carina rissi arrasa nos seus livros ;)

    ResponderExcluir
  10. Amei a resenha e esse ano quero muito ler um livro dessa autora que ainda nem li mas to amando ela
    bjss

    ResponderExcluir
  11. Queria muito saber aonde que se passa a história :/

    ResponderExcluir
  12. Estou lendo esse livro, estou adorando!
    Blog Entrelinhas >> www.blogentrelinas.com

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Não saia sem comentar!
Queremos saber sua opinião ;)

Postagens mais visitadas