[Resenha] Por Um Toque de Sorte | Carolina Munhóz


Título: Por Um Toque de Sorte
Autora: Carolina Munhóz
ISBN-13: 9788568263365
ISBN-10: 8568263364
Editora: Rocco
Selo: Fantástica
Ano de lançamento: 2016
Número de páginas: 304
Gênero: Fantasia
Encontre: Skoob | Amazon
Sinopse: De Dublin a Paris, Rio de Janeiro e Hollywood, eles estão por toda parte. São os donos das marcas que você usa, comandam os canais de televisão a que você assiste, criam os aplicativos de celular que você baixa. No segundo livro da série Trindade Leprechaun, iniciada com Por um toque de ouro, Carolina Munhóz dá continuidade à história da jovem Emily O’Connell, uma garota bonita e rica, dona de um império fashion, que descobre ser herdeira de uma rara linhagem desses pequenos seres mágicos considerados guardiões de potes de ouro escondidos. Ela só não esperava que esse legado sobrenatural pudesse levá-la para o centro de um esquema perigoso e cruel. Em “Por Um Toque de Sorte”, Emily deixa seu mundo de glamour para trás em busca de um impostor que rouba toques de ouro. Será que ela será capaz de cumprir sua jornada? Isso ela só vai descobrir no final do arco-íris. Se chegar até lá.
"Era aquele caminho que devia trilhar." p. 295
 A Emily que conhecemos em Por Um Toque de Ouro não existe mais.  Após descobrir que faz parte de uma rara linhagem de seres mágicos, nossa protagonista sofreu grandes perdas e agora precisa encontrar o culpado. Se a Emily do passado já era muito determinada, a de agora está ainda mais decidida  a alcançar seu objetivo.
"Ela nunca se esqueceria do erro de ter se apaixonado. As pessoas nunca se esqueceriam de seus erros nos últimos meses." p. 49
 A escrita de Carolina Munhóz continua me envolvendo e, dessa vez, parece tornar a leitura ainda mais completa. Eu estava ansiosa para saber qual caminho Emily iria seguir, tento em vista que iríamos acompanhá-la em cidades como Paris e Rio de Janeiro (uma vez mais, amei as referências e como a autora consegue nos fazer sentir parte da história), porém muitas descobertas farão parte da trajetória da protagonista, que irá evoluir ainda mais durante o desenrolar da trama.
"Era uma bola de neve de azar que continuava a rolar montanha abaixo. Uma montanha da qual parecia ser impossível ver o fim." p. 49
 Emily mudou bastante já no primeiro livro, entretanto a motivação aqui é outra. Ela precisa encontrar a pessoa que tanto a enganou e que lhe roubou mais do que seu poder, por isso, deixou de lado a garota mesquinha que conhecemos para dar lugar a uma pessoa mais humana, que sabe que não é o centro do mundo e que erra, acerta, busca um lado melhor de si. Há uma conexão maior dela com o leitor, é como se ela estivesse mais próxima, é como se a conhecêssemos mais a fundo - o que não nos impede de querer dar umas sacudidas nela de vez em quando, rs.
"Sim, nós nascemos com um dom! Ele é maravilhoso e pode mudar o mundo. Mas eu não pedi para nascer com esse dom." p. 2018
 Não é apenas Emily que está em busca de vingança. Reencontramos personagens, conhecemos novos, e percebemos um novo lado de cada um deles. Darren, por exemplo, é um personagem que gosto muito e que me fez querer ter umas boas conversas com Emily para que ela abrisse os olhos (o amigo é um verdadeiro irmão e ela verá que andou falhando com ele), enquanto Liam é alguém com quem ainda tenho o pá atrás. Mas, se os leprechauns já haviam nos deixado empolgados e curiosos anteriormente, preparem-se para uma leitura ainda mais interessante. Saberemos mais sobre a conexão deles, o roubo de poderes, a natureza e a aguardada Trindade Leprechaun. 
"Ninguém a impediria de seguir seu caminho." p. 302
 Haviam me dito que o final do livro era tão impactante quando o primeiro, mas devo dizer que é em partes. Acho que algumas pessoas estão muito focadas no romance quando, na verdade, temos uma história muito mais incrível nas mãos. Gosto de como a Carol consegue fazer tudo acontecer no momento certo e é difícil falar de um livro que faz parte de uma trilogia sem dar spoilers, então vou me limitar a dizer que Por Um Toque de Sorte foi melhor do que o livro anterior e me deixou com expectativas maiores para o desfecho da Trindade Leprechaun. Mal posso esperar para ver o que o próximo livro irá apresentar.

 Confira a resenha de Por Um Toque de Ouro