[RESENHA] FIQUE COMIGO | J. LYNN

Teresa Hamilton está tendo um ano difícil - ela está apaixonada pelo melhor amigo de seu irmão, mas ele simplesmente a ignora desde que se beijaram, um beijo verdadeiramente incrível e inspirador. Ela saiu de um relacionamento terrível, e agora uma lesão ameaça terminar sua carreira de bailarina. É hora do Plano B: faculdade. E talvez uma chance de convencer Jase de que o que eles sentem um pelo outro é real. Jase Winstead guarda um segredo do passado - além da paixão que sente pela linda irmã de seu melhor amigo. Embora ele e Teresa tenham uma atração forte, Jase sabe que suas responsabilidades devem ser prioridade. Certamente não tem tempo para um relacionamento. Entretanto, tudo o que ele consegue pensar é em estar com a única garota que poderia arruinar tudo para ele. Depois de uma tragédia no campus da faculdade, eles se aproximam mais e mais. É impossível continuar negando seus sentimentos. Jase e Teresa devem decidir o que eles estão dispostos a arriscar para estar juntos e o que estão dispostos a perder se não estiverem...

Romance | New Adult | 384 páginas | 2017 | Novo Conceito | Amazon | Skoob
"— Você acredita em destino?" p. 45
 Após meu primeiro contato com J. Lynn fiquei muito ansiosa para conhecer mais histórias de sua autora. Agora, ao finalizar a leitura de Fique Comigo na mesma semana em que li O Problema do Para Sempre, posso afirmar que a autora consegue surpreender de uma forma ou de outra. Em Espero Por Você conhecemos o espontâneo Cam Hamilton e a reservada Avery Montgomery e agora a autora nos dá a oportunidade de conhecer melhor Teresa Hamilton, irmã de Cam. A garota tem sua carreira como bailarina ameaçada após uma grave lesão e, como se não bastasse toda a frustração que isso pode trazer, ela precisou superar o fim trágico de um relacionamento abusivo. Seus problemas não acabam por aí, uma vez que além de ter que começar a pensar em um plano B para sua vida, Tess acaba iniciando os estudos na mesma faculdade que o irmão e se tornando cada vez mais próxima de seu melhor amigo. Ele, Jase, é um cara por quem ela nutre sentimentos há anos e, para completar, passou a ignorá-la depois que eles se beijaram pela primeira vez no ano anterior.
" Acho que você sabe exatamente sobre que tipo de coisas elas me elogiam." p. 57
 Uma das coisas que deixam o talento de J. Lynn - ou Jennifer L. Armentrout - ainda mais em destaque é sua capacidade de apresentar personagens tão diferentes e verdadeiros. Através da narrativa em primeira pessoa - que se torna diferente a cada livro pois possui características próprias de cada personagem e não da autora! - podemos conhecer as histórias que estão em torno dos protagonistas de Fique Comigo e, como acontece na vida real, essas pessoas e suas atitudes acabam influenciando em nossas vidas. No caso, em nossa leitura.

 Teresa é uma personagem que ganha muitos pontos porque mesmo depois de tudo o que passou não tem medo de expor seus desejos. Ela conseguiu superar muita coisa e agora está tendo que lidar com uma realidade que está longe de ser o que ela sonhou para si. Seu amor pela dança é perceptível mesmo que ela tente evitar o assunto e perceber nas entrelinhas como está sendo difícil ter que se distanciar de seus sonhos é realmente tocante. Contudo, a autora traz as perdas para abordar as vantagens que mudanças e situações inusitadas podem trazer para nossas vidas. E a aproximação de Jase é uma dessas coisas
" Você é uma péssima mentirosa.
  E você tem um ego horrível. Pior do que o do meu irmão, e isso é uma proeza e tanto" p. 100
 O relacionamento de Teresa e Jase possui mais altos e baixos do que eu gostaria de admitir. Apesar de já sabermos que o romance é inevitável, precisamos ter (assim como Tess) muita paciência para seguir até que as coisas finalmente se encaixem. A parte boa é que não é uma questão apenas de insegurança ou frescura e é legal se dar conta de que a autora nos faz sentir exatamente como Tess: em dúvida e às cegas em relação aos conflitos de Jase. Ele também possui sua bagagem e pedir que alguém o ajude a carregá-la exige muito dele. Ainda assim, não foi apenas o relacionamento do casal principal que oscila. Meus sentimentos em relação a eles também. 

Sinto como se tivesse me envolvido mais com a trama em si do que com o casal. Pude refletir sobre suas atitudes, pude entender as mensagens das entrelinhas e pude aproveitar cada ensinamento, porém, não é como se eu realmente tivesse sido arrebatada pelo romance. Talvez eu mesma esteja criando uma barreira por esperar um envolvimento tão grande como aconteceu com Cam e Avery (cuja presença em Fique Comigo é animadora), mas isso não atrapalhou de fato o desenvolvimento da leitura. No meio disso tudo, temos personagens como Debbie e Erik, que trazem um grande diferencial para a história, e Calla, que é alguém que, por mais que não tenha tido a oportunidade de se mostrar muito, deixa a sensação de que talvez pudesse ser uma boa protagonista para a série.
"Droga. Eu realmente não conseguia escapar daquele homem." p. 123
 Fique Comigo é um livro sobre encontrar o amor no meio de perdas e mudanças. É sobre pessoas que precisam cicatrizar algumas feridas do passado antes de começarem a lidar juntos com os imprevistos do futuro. J. Lynn consegue, mais uma vez, apresentar um elenco variado e abordar assuntos sérios com muita verdade e muitos sentimentos. Mal posso esperar para que os próximos livros sejam publicados aqui no Brasil.
"Jase era perigoso do jeito certo." p. 195
Fique Comigo é o segundo livro da série Espero Por Você composta também por Trust in me, Stay with me, Fall with me, Forever with you e Fire with you, ainda não publicados no Brasil.