[Dica de leitura] Olá, adeus e tudo mais, de Jennifer E. Smith

Um romance divertido e emocionante, que explora as escolhas difíceis que surgem quando a vida e o amor conduzem a direções opostas. Ir para a faculdade é um momento emocionante e aterrorizante ao mesmo tempo. Ainda mais se você estiver em um relacionamento em que não tem certeza de seu próximo passo. Clare e Aidan têm apenas uma coisa a fazer na noite antes de partirem para a faculdade: descobrir se devem continuar namorando ou terminar. Ao longo de doze horas, eles irão refazer os passos do relacionamento, na tentativa de descobrir algo no passado que possa ajudá-los a decidir sobre o futuro. A noite os leva a amigos e familiares, marcos simbólicos e lugares inesperados, verdades dolorosas e revelações surpreendentes. Mas, conforme as horas passam e a manhã se aproxima, chega o momento inevitável do adeus. A questão é será um adeus momentâneo ou para sempre?
Romance | Jovem Adulto | 272 páginas | Galera Record | 2017 | Amazon | Skoob
— Finalmente chegamos a esse ponto... Ao fim da estrada.
— Ou — argumenta ele —  ao começa.
 Depois de ler Ser feliz é assim  e A geografia de nós dois, ambos romances de Jennifer L. Smith,  Olá, adeus e tudo mais era leitura garantida para mim. Nesse livro, a autora apresenta uma história que conhecemos sem saber se é seu início ou o seu fim. Clare e Aidan se conheceram e se apaixonaram durante o ensino médio e, agora, quando estão prestes a iniciar os estudos em faculdades diferentes, precisam decidir se mantém o relacionamento à distância ou seguem suas vidas separadamente. O enredo do livro é basicamente esse, porém as reflexões dessas 12 horas da história são o ponto alto da trama.
— Você já que talvez precise parar de ser tão prática? 
 O livro é dividido em 16 capítulos que, na verdade, são "paradas". Claire organizou uma lista de momentos especiais de seu relacionamento com Aidan para que os dois pudessem visitar cada local nessa noite decisiva, mas talvez não esperasse as discussões causadas por certas lembranças.  Claire e Aidan são opostos, mas é justamente isso que os atrai um para o outro. Enquanto Claire é mais razão, Aidan é completamente coração, de modo que encontrar um equilíbrio pode ser difícil, porém torna tudo ainda mais interessante durante a leitura. Podemos perceber suas diferenças logo nos primeiros capítulos e acompanhar o desenrolar dessa noite decisiva também irá mexer com nossas emoções.
É verdade que o mundo é cheio de sinais. Eles simplesmente significam coisas diferentes para pessoas diferentes.
Para Claire, isso parece a exceção. 
Para Aidan, parece a regra.
 A abordagem sobre amizade, sobre confiança e juventude é mais aprofundada graças a Scotty e Stella, melhores amigos de nossos protagonistas. Eles são personagens que estão presentes em momentos importantes e são tão cativantes que eu gostaria de ter um livro com a história dos dois, de verdade. Nos poucos momentos em que aparecem os dois se mostram envolventes e carismáticos, sem falar que o futuro incerto dos dois diante de algo que havia acontecido há pouco se torna ainda mais atrativo
[...] existem muitas outras possibilidades além de ficar juntos e terminar, sabe? Nem tudo precisa ser tão preto no branco.
 Olá, adeus e tudo mais pode não ser um romance super marcante que ficará na sua cabeça por muito tempo, porém é uma leitura leve, divertida e reflexiva, sim, que fala sobre como o amor simplesmente não pode ser evitado. Jennifer E. Smith fala sobre as expectativas de um relacionamento, sobre como devemos nos permitir viver o presente e, principalmente, sobre como é impossível evitar coisas que simplesmente precisam acontecer. Indico essa leitura para todos os que gostam de romances rápidos porém envolventes. 
— Como falei... o prólogo é a melhor parte.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não saia sem comentar!
Queremos saber sua opinião ;)

Adbox

@magialiteraria_